feed facebook

Pesquisa







PARCEIROS




Certificação Energética de Edifícios

Imóveisdeluxo® cria novo Departamento de Hotéis, Resorts e Lazer

 

A Imóveisdeluxo® criou um departamento de Hóteis, Resorts e Lazer, sob a responsabilidade de Manuel Viana. Este recente departamento surge na sequência da forte procura no sector do imobiliário de luxo e acaba por reflectir a importância, cada vez maior, que é dada ao sector turístico no mercado imobiliário português.

Assim, o departamento de Hóteis, Resorts e Lazer tem como principal objectivo profissionalizar o mercado de mediação de unidades hoteleiras, resorts e projectos de lazer, em representação dos seus investidores. Além disso, é também intenção da consultora representar investidores nacionais e estrangeiros nas suas aquisições em Portugal, Brasil, Angola, Cabo Verde, Espanha, UK. Tendo em conta a ideia de que cada negócio tem um impacto na oferta turística da respectiva região e do país em geral, a Imóveisdeluxo® promete que irá agir com grande sentido de responsabilidade, enriquecendo o seu leque de oferta com serviços de consultoria, análise, viabilidade, avaliações e “corporate finance” para o sector de hotelaria, lazer e turismo. Refira-se que esta nova modalidade da actividade da consultora, vem assim aproveitar a sinergia resultante dos restantes escritórios Imóveisdeluxo® espalhados pelo País na comercialização de unidades hoteleiras.

Apesar de ser muito recente, este novo Departamento já conta com 5 unidades hoteleiras em carteira, para venda no território português, mais quatro resorts no Brasil.

Para Marco Costa, Director Geral da Imóveisdeluxo®, o crescimento acelerado do Grupo deve-se ao diferencial estabelecido pela empresa via Franchising. "As oportunidades oferecidas para a prestação dos nossos serviços aos investidores e a nossa posição de destaque neste segmento, vêm garantindo bons resultados". O executivo salienta ainda que a fórmula encontrada para prosperar se deve também à visão do grupo de estabelecer relações de longo prazo com “players” estratégicos.