feed facebook

Pesquisa







PARCEIROS




Certificação Energética de Edifícios

NOVAS INAUGURAÇÕES EM BARCELO E AMARES

*Aberturas reafirmam potencialidades de "conceito de proximidade"

A Laforêt Immobilier Portugal acaba de abrir ao público duas novas agências no Minho, projectos imobiliários que nascem nos concelhos de Amares e Barcelos e no seguimento da excelente receptividade do conceito de origem europeia junto do mercado minhoto.

Para os franqueados João Ribeiro e Carlos Simões, gerentes das agências Laforêt Barcelos e Amares, respectivamente, estes novos investimentos reflectem a aceitação dos princípios da marca - EFICIÊNCIA, TRANSPARÊNCIA E CONVÍVIO - um "espelho" de todo o trabalho desenvolvido pela Laforêt nos primeiros anos de actividade em Portugal. "O respeito e a satisfação dos clientes motivam a aposta contínua num crescimento sustentado, assegurando a presença da marca em mercados distintos, posicionando-a como a "resposta certa" para todos os negócios imobiliários. Resultado do "conceito de proximidade" internacionalmente testado, privilegiamos cada vez mais o acompanhamento do cliente em cada transacção de compra, venda ou arrendamento de um imóvel, mais-valias que demonstram o nosso savoir-faire em cada parceria", concluem.

Com 12 agências em funcionamento - Algés, Aveiro, Amares, Barcelos, Cascais, Coimbra Almedina,  Lisboa Av. Roma, Lisboa Campo de Ourique, Lisboa Expo, Portimão, Porto (Campo Alegre) e Vila Verde - e 6 em fase de abertura - Almancil, Braga (Sé), Braga (S. Vitor), Parede, Ponte de Lima e Porto Parque da Cidade -, a estratégia da Laforêt passa agora pela consolidação da rede e abertura de futuras agências na região do Ribatejo, Grande Lisboa, Alentejo e Algarve.

Projectado desde 1991 para as especificidades do mercado imobiliário europeu, a Laforêt Immobilier - criada em 1981, em França conta actualmente com mais de 800 unidades e uma notoriedade superior a 82% - avança com a exportação do conceito francês de mediação imobiliária para Portugal, tendo traçado o objectivo de encontrar 130 parceiros e assegurar a presença nas principais cidades portuguesas, até ao final de 2012.